sexta-feira, 26 de novembro de 2010

SIGA A INTUIÇÃO

        

      Desejando encorajar o progresso de seu jovem filho ao piano, uma mãe o levou a um concerto de Paderewski. Deixado só por instantes, o garoto usou a oportunidade para explorar os recantos do teatro.
            Quando as luzes abaixaram e o concerto estava prestes a começar, a mãe descobriu, horrorizada, seu filho sentado ao teclado, inocentemente catando as notas de "Cai, cai, balão".
            Naquele momento, o grande mestre de piano fez sua entrada, rapidamente foi ao piano, e sussurrou no ouvido do menino: - Não pare, continue tocando.
            Então, debruçando, Paderewski estendeu sua mão esquerda e começou a preencher a parte do baixo. Logo, colocou sua mão direita ao redor do menino e acrescentou um belo acompanhamento de melodia.
            Juntos, o velho mestre e o jovem noviço, transformaram uma situação embaraçosa em uma experiência criativa.
            É assim que as coisas são. Na próxima vez que você se determinar a realizar algo, procure ouvir: - "Não pare, continue fazendo".
            Lembre-se, o Mestre não ajuda aqueles que sabem fazer. Ele ajuda aqueles que precisam. Quem sabe Ele estará lá para transformar seu "Cai, cai, balão" em uma experiência maravilhosa?

Um comentário:

Margarete Solange disse...

Mensagem muito edificante. Se encaixa em várias áreas de nossas vidas seja pessoal ou profissional e serve bem certinho nas coisas da igreja também. É sempre bom lembrar esses ensinamentos dia-a-dia. A gente até acha que sabe disso, mas o fato é que na hora de aplicar essas lições, tentemos a esquecer, então nem sempre seguimos o exemplo.